Skip to content

Diagnóstico no Criobanco: mais de 1.000 pacientes atendidos

ago 10 2012

O serviço de diagnóstico de doenças onco-hematológicas do Criobanco conquistou a marca de 1.000 pacientes atendidos desde seu lançamento, em agosto de 2010

O grande diferencial do serviço, que também atende hospitais que fazem tratamentos pelo SUS, é oferecer um diagnóstico mais rápido e uma definição de prognóstico mais precisa, aumentando as chances de cura de pacientes que têm algum tipo de câncer do sangue, já que auxiliam na escolha do tratamento mais adequado. Até então, esse tipo de diagnóstico era feito fora do Espírito Santo, sendo necessário esperar até sete dias para receber o resultado.

 O Criobanco é a primeira instituição privada do Espírito Santo a contar com um equipamento de citometria de fluxo, a última palavra em tecnologia científica para avaliação de células em suspensão. No total, mais de 140 patologias do sangue podem ser diagnosticadas com precisão a partir da técnica, como leucemias, linfomas e mieloma múltiplo.

 De acordo com o médico coordenador e hematologista André Marinato, o serviço transformou o cenário de diagnósticos, já que centraliza os diversos tipos de exames solicitados, otimizando tempo e os recursos despendidos. “Até então, todos os diagnósticos dessas doenças eram realizados isoladamente por poucos laboratórios espalhados pelo Brasil. Isso gerava um grande gargalo entre a coleta de amostras e o laudo final.

 Aliando isso aos problemas de logística de entrega, esse processo poderia durar em torno de uma semana. E se houvesse algum tipo de dúvida em relação ao material e a necessidade de refazer, aumentava o tempo de espera e diminuía a qualidade dos processos e a confiabilidade dos resultados”, afirma.



Comentários

Deixe seu comentário.

Adicione um Comentário

Required

Required

Optional


» Visite nosso website