Skip to content

Saiu na Imprensa:

nov 09 2012

Dois cientistas que estudam as células-tronco foram os ganhadores do Prêmio Nobel de Medicina 2012, John Gurdon e Shinya Yamanaka. As pesquisas de Gurdon na década de 60 abriram caminho para que Yamanaka pudesse encontrar, anos depois, uma forma de se obter uma nova fonte de células-tronco, reprogramando células diferenciadas para que passassem a ser células-tronco embrionárias, dando origem a qualquer tipo de tecido. Essas descobertas têm aplicação direta no desenvolvimento de novas terapias celulares e ajudam a entender melhor doenças genéticas. Além disso, o trabalho revelou que as células são mais flexíveis do que se imaginava.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Link: http://g1.globo.com/bemestar/noticia/2012/10/pesquisas-premiadas-do-nobel-foram-revolucao-genetica-dizem-cientistas.html

 



Comentários

Deixe seu comentário.

Adicione um Comentário

Required

Required

Optional


» Visite nosso website